2
1

Bando que atacou carro-forte fugiu para Paraguai, mas sem dinheiro

Após parar blindado a tiros de fuzil, assaltantes usaram explosivos, mas não conseguiram abrir porta do veículo

03/12/2019 06h36
Por: Redação
Fonte: campograndenews

A quadrilha que atacou um carro-forte da empresa de transporte de valores Brink’s, na manhã de hoje (2) na MS-156, entre Caarapó e Amambai, fugiu para o Paraguai sem levar um único centavo do assalto.

Os bandidos tentaram abrir o blindado com explosivos, mas a porta resistiu e eles fugiram. Só a perícia vai revelar se o carro-forte resistiu por causa da quantidade de explosivo ou se os artefatos falharam.

O número de assaltantes ainda é incerto. Os funcionários da empresa de transporte de valores falaram que eram cinco bandidos. Outras testemunhas falam em oito.

O delegado regional adjunto de Ponta Porã Mikail Gouveia Faria, que está na região de Amambai participando das investigações, disse ao site que todos os indícios apontam para a fuga da quadrilha para o território paraguaio. Eles teriam cruzado a fronteira no município de Aral Moreira, usando um Citroën C4 preto, roubado na estrada.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias