coronavirus2

Presa, assassina confessa que matou mulher com facada no pescoço após briga

A autora, segundo investigação, foi auxiliada e instigada por um homem de 61 anos, que forneceu a faca usada no homicídio

22/05/2020 11h24
Por: Redação
Fonte: campograndenews
95
Rua Jardim Ivone, em Ponta Porã, cidade 323 quilômetros de Campo Grande (Foto: Street View)
Rua Jardim Ivone, em Ponta Porã, cidade 323 quilômetros de Campo Grande (Foto: Street View)

Uma mulher de 28 anos confessou que matou a golpes de faca Marilene Rocha Duarte, 37 anos, na noite do dia 14 de maio, em terreno baldio da Rua Jardim Ivone, no Bairro Ivone, em Ponta Porã, distante 323 quilômetros de Campo Grande.

Conforme a Polícia Civil, Marilene foi encontrada sem camiseta, com lesão no pescoço e com vários ferimentos nas mãos. O local passou por perícia e o corpo foi levado ao IML (Instituto Médico Legal) para exame necroscópico.

Depois de ouvir várias testemunhas entre os dias 15 e 19 de maio, a equipe de investigação chegou a uma suspeita, moradora próximo ao local onde o corpo foi encontrado, que havia cometido o crime com a ajuda de um homem de 61 anos.

Em diligências, foi verificado que o homem, apesar de não ter relacionamento amoroso com a assassina, morava em sua casa há um tempo. No dia 19 de maio, os policiais descobriram que os dois haviam deixado a  residência. A polícia, então, pediu à Justiça a prisão temporária dos dois. Ainda no dia 19, a equipe localizou os suspeitos, cumprindo o mandado de prisão temporária.

Durante interrogatório na última quarta-feira (20), os dois confessaram o crime. O assassinato aconteceu depois de uma discussão entre as duas mulheres. A autora, segundo investigação, foi auxiliada e instigada pelo homem, que forneceu a faca usada no homicídio. Os dois vão responder por homicídio qualificado por motivo fútil. O caso segue sob investigação da Delegacia de Atendimento à Mulher de Ponta Porã para a conclusão do inquérito policial. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.