mascara

Três mulheres são presas acusadas de roubar idoso e agredi-lo com golpes de marreta em MS

Mulheres de 26, 27 e 43 anos, teriam cometido crime nesta segunda-feira (28) e foram presas na sexta. Elas teriam amarrado idoso e o agredido, enquanto roubavam dinheiro e o veículo da vítima. Homem, que não teve identidade revelada, continua internado

31/07/2020 18h02
Por: Redação
Fonte: G1 MS
84
Veículo do idoso foi roubado e depois abandonado pelas criminosas, em Três Lagoas (MS) — Foto: Polícia Civil/Reprodução
Veículo do idoso foi roubado e depois abandonado pelas criminosas, em Três Lagoas (MS) — Foto: Polícia Civil/Reprodução

Três mulheres, de 26, 27 e 43 anos, foram presas na manhã desta sexta-feira (31), em Três Lagoas, na divisa de Mato Grosso do Sul com São Paulo, acusadas de roubarem e agredirem um idoso com golpes de marreta.

Conforme a Polícia Civil, o crime teria acontecido na madrugada desta segunda (28), por volta das 2h. As suspeitas teriam bolado um plano e ido até a residência do idoso para roubar dinheiro e o carro dele. De acordo com os policiais, uma das suspeitas invadiu a casa, enquanto as outras duas "cuidaram" da movimentação na região para acobertar a ação da comparsa.

O idoso, que não teve nome e idade divulgados, foi amarrado e agredido com golpes de marreta. As suspeitas deixaram o local levando o carro, dinheiro e produtos eletrônicos. O veículo, porém, apresentou defeito pouco depois e foi abandonado pelas autoras. O idoso foi localizado muito ferido por familiares na tarde do mesmo dia, no interior da residência.

A Polícia Civil foi acionada e iniciou as investigações, culminando na identificação das autoras, que tiveram a prisão preventiva decretada nesta sexta. Todas possuem passagem por crimes de furto e responderão agora pelo crime de roubo qualificado, com pena máxima de 18 anos. De acordo com a Polícia, a vítima ainda encontra-se hospitalizada.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.